Escolha uma Página

 Do site Roque Reverso

Mordred (FOTO: DIVULGAÇÃO)


O Mordred lançou oficialmente nesta segunda-feira, 7 de setembro, o clipe da música “Not For You”. É mais uma ação para promover o EP “Volition”, lançado em junho e que representou o rompimento de um hiato de 26 anos sem discos de inéditas da veterana banda da Bay Area de São Francisco.

O clipe traz uma série de retratos do atual momento dos Estados Unidos, com imagens de protestos, desigualdade social e extrema polarização política.

O EP do Mordred chegou às plataformas no dia 18 de junho, com quatro músicas que trazem novamente a banda aos holofotes do heavy metal com a marca de funk metal e thrash metal que fizeram o Mordred ficar conhecido mundialmente na virada dos Anos 80 para os Anos 90.

“Not for You” é justamente a música de trabalho inicial do EP. Além dela, completam o disco “What Are We Coming To”, “The Love of Money” e “The Baroness”.

Para quem não conhece o Mordred, o grupo surgiu em São Francisco em 1984, quando o thrash metal explodia no seu reduto de nascimento com nomes do calibre de Metallica, Testament, Exodus e Death Angel.

O primeiro álbum da banda foi “Fool’s Game”, de 1989, que gerou como principal hit a música “Every Day’s a Holiday“. Sucesso com clipe na MTV, a canção ajudou a mostrar elementos de funk metal num disco que era mais dominado ainda pelo thrash metal.

Para muitos, no entanto, o grupo já trazia um som muitas vezes inclassificável, tamanha a mistura de sons. Era um autêntico crossover, ora com elementos do thrash ora com as pitadas de funk metal, num momento no qual o Red Hot Chilly Peppers e o Faith No More começavam a ganhar maior fama com o estilo que marcariam essas bandas gigantes para sempre.

Foi, no entanto, com o álbum “In This Life”, de 1991, que o Mordred estourou entre os headbangers e ganhou visibilidade mundial. Com um sucesso gigante da música “Falling Away”, que tinha clipe que rolava nos programas de metal das MTVs do mundo inteiro, a banda deixou seu nome marcado, a ponto de o disco ter recebido cinco estrelas da respeitada revista Kerrang.

A música “Falling Away” é item obrigatório na estante daquele headbanger que gosta de peso e balanço. Com scratches matadores e uma melodia que fica na mente por dias, a canção traz elementos que só seriam estabelecidos no funk metal e também no rap metal muitos anos depois, mostrando que o Mordred estava à frente de seu tempo.

Danny White e James Sanguinetti (guitarras), além de Scott Holderby (vocal), Art Liboon (baixo) e Gannon Hall (bateria), com Aaron Vaughn (o DJ Pause) nos scratches e teclados, são os membros que estiveram no “Falling Away” e podem ser considerados a formação clássica da banda.

Após o lançamento do EP “Vision”, de 1992, e do álbum “The Next Room”, de 1994, que não tiveram o mesmo impacto dos trabalhos anteriores, o Mordred chegou a terminar em 1995 sem explodir além do underground, diferente do que seria visto com o Red Hot e com o Faith No More.

Depois de algumas reuniões esporádicas entre 2001 e 2012, o grupo retornou à ativa em 2013, incluindo cinco dos membros originais do álbum “In This Life” (menos o baterista Gannon Hall, que foi substituído por Jeff Gomes. Após seis anos e com algumas alternâncias até na formação, um fato importante para a consolidação do grupo foi a volta do guitarrista Danny White para a Califórnia.

Se antes, as viagens longas dele Nova York para o outro lado dos Estados Unidos geravam obstáculo para reuniões mais regulares, o retorno de White para a Bay Area fez com que a banda conseguisse ter faixas suficientes para um novo trabalho de estúdio.