Escolha uma Página

– Em uma analogia entre a superação de obstáculos e o vigor das árvores, surge o clipe de “Canção da Árvore”, canção do Antiprisma (SP) presente no disco “Hemisférios” (2019). O vídeo produzido com a técnica stop motion é dirigido por Natália Rodrigues, que se aperfeiçoou na técnica durante o período de quarentena. Com forte influência do folk e do rock psicodélico, o videoclipe é o terceiro a surgir do segundo álbum da banda. A inspiração para o vídeo de “Canção da Árvore” surgiu da própria diretora, Natália Rodrigues, que teve a liberdade para escolher a música que quisesse trabalhar. De acordo com Victor, após acompanhar o trabalho da artista pelas redes sociais, ficou imaginando como seria um clipe no formato stop motion. Assista em https://youtu.be/6kX2K0d4k5s

– Ciclos precisam ser fechados para seguirmos em frente. E é pensando nisso que a The Tropical Riders (SP) lança o clipe “Vagabondo”, finalizando a divulgação do EP Desert Love (2019). Última faixa do compacto, é nesta melodia que o duo torna explícita a sua identidade musical. Em uma letra que fala sobre a auto idolatria, a música hoje é a mais popular dos músicos nos streamings. Assista o clipe de “Vagabondo”: https://youtu.be/lv9XssV6dL4

– Conhecido há mais de seis mil anos, o ópio é utilizado até hoje a fim de livrar o corpo da dor. E é a partir desta substância milenar que surge a inspiração para a letra de “Opium”, da Neverwinter (PR). Presente no disco de estreia, Air Castle (2019), a música ganha nova vida com a versão acústica protagonizada por Fernanda Zys (voz) e Higor Hoenig (violão, maraca, cajon, piano e baixo). A performance acolhedora foi gravada no home studio da banda, que também atuou na produção, gravação, maquiagem e mixagem. Assista a versão acústica de Opium: https://youtu.be/Fbsrabd5sXw