Escolha uma Página

Eugenio Martins Júnior – do blog Mannish Blog

Após o Sesc SP divulgar a programação do festival Sesc Jazz que acontece em outubro, foi a vez da direção do Rio das Ostras Jazz e Blues anunciar nessa semana a programação desse que é considerado o maior festival do gênero no Brasil.Entre os dias 12 e 15 de novembro o Rio das Ostras Jazz e Blues receberá mais de 30 shows espalhados entre os palcos Costazul, Iriry e Boca da Barra.

Este último, substituindo o lendário Palco Tartaruga. Entre as atrações, o guitarrista Eric Gales, que já foi considerado o melhor guitarrista de blues dos EUA e um dos dos grandes no mundo. 

Entre outros nomes de peso confirmados estão Jon Cleary, ganhador do Grammy (com o álbum GoGo Juice); o saxofonista americano veterano Chris Potter ao lado do consagrado e também vencedor do Grammy Latino Hamilton de Holanda; a influente banda Azymuth, que tem um dos mais vendidos LPs da música instrumental, com o hit internacional “Jazz Carnival”, ao lado do influente DJ Nuts.

A programação inclui Roosevelt Collier, Delvon Lamaar, Keith Dunn & Simi Brothers Band e os brasileiros Nico Rezende Jazz Quarteto, Moving Waters com Lancaster, Banda Black Rio, Alamo Leal & Blues Groovers, Macahiba, Segundo Set, Cida Garcia e Orquestra de Sopros.

Completam a programação workshops, palestras e oficinas com músicos e profissionais da área cultural. No Espaço Arthur Maia, antiga CASA do JAZZ, em Costazul, acontecem shows de novas bandas da cidade de Rio das Ostras e do estado do Rio de Janeiro, que se apresentam durante os intervalos dos shows principais. 

O Festival traz ainda o Clube do Vinil, espaço onde os aficionados e colecionadores das famosas “bolachas” poderão trocar ideias, comprar e trocar seus discos. Já a área do palco principal, a Cidade do Jazz, contará com duas praças de alimentação, 20 restaurantes e espaço para comercialização de artesanato local com aproximadamente 100 artesãos. 

Lancaster (FOTO: DIVULGAÇÃO)

Tão importante quanto as atrações, serão as medidas de segurança que serão implementadas durante o evento. Entre elas, a apresentação obrigatória da carteira de vacinação com as duas doses; uso obrigatório de máscaras; colocação de cadeiras para o público, respeitando o distanciamento de 1,0m; túneis de higienização instalados nas duas entradas da Cidade do Jazz; uso de medidor instantâneo de temperatura em todos os acessos do evento; estrutura médica; pontos de acesso a álcool gel nas áreas comuns; disponibilização de lixeira com dispositivo que permita a abertura e fechamento sem o uso das mãos; comunicação ostensiva nos intervalos dos shows sobre regras de higiene de acordo com as normas da OMS.

O Rio das Ostras Jazz & Blues Festival é um festival anual, que acontece há 16 anos na cidade de Rio das Ostras/RJ. O Mannish Blog acompanha o festival desde 2006. Desde a sua criação em 2003, o evento realizou mais de 550 shows, 100 palestras e workshops para cerca de 1 milhão de espectadores, estimulando o interesse pela música de alta qualidade e criando oportunidades para o público conferir de perto alguns dos maiores nomes do jazz, blues e da música instrumental no Brasil e no exterior. O festival faz parte do calendário oficial de eventos do Estado do Rio de Janeiro desde setembro de 2011.

Em 2021 o Rio das Ostras Jazz e Blues retoma como um evento-teste do Estado. E em virtude dos impactos gerados pela Covid-19, o festival também será um fator fundamental para a recuperação econômica do Município e de toda a região da Costa do Sol, fomentando uma de suas principais atividades: o turismo.

Durante o período, Rio das Ostras atinge 100% de sua taxa de ocupação hoteleira, assim como as cidades de São João da Barra e Casimiro de Abreu. A cidade Macaé atinge 70% e Búzios 50%, de acordo com dados aferidos pela FGV junto às Secretarias de Turismo dos Municípios.

O evento é certificado com o Selo Turismo Responsável e conta com o apoio das Secretarias de Cultura e Turismo do Estado do Rio de Janeiro, da Prefeitura e da Secretaria de Turismo da cidade de Rio das Ostras. 

Geração de renda, inclusão social e ambiental

O Rio das Ostras Jazz & Blues Festival se caracteriza por oferecer gratuitamente música de qualidade, democratizando o acesso a um bem cultural, com a meta de gerar o menor impacto ambiental possível, além de estimular a inclusão social e a geração de emprego e renda.

“O Festival contribui para incentivar o turismo, impactando a economia da cidade graças à injeção de capital durante os quatro dias de Festival, com média de R$ 9 milhões por edição, comprovados por pesquisas que são realizadas há quatro anos pela FGV e SEBRAE”, explica Stenio Mattos, responsável pela organização do evento.

Além de fomentar o comércio local e gerar empregos, o festival oferece acessibilidade em todos os palcos para portadores de deficiência e dispõe de coleta seletiva do lixo.

Nas edições anteriores, o evento foi neutro em carbono, pois todas as emissões de gases de efeito estufa provenientes da sua realização foram devidamente quantificadas e compensadas com o plantio de mais de 3 mil mudas de árvores nativas, nas áreas de preservação ambiental do município.

Programação

Dia 12 – Sexta-Feira
Palco Costazul
Abertura às 20h com shows no Espaço Arthur Maia (Casa do Jazz) – 02 Bandas de Rio das Ostras e Região do Norte Fluminense.
A partir das 20h30
0rquestra de Sopros de Rio das Ostras
Banda Novos Talentos de Rio das Ostras Macahiba
Azymuth e DJ’ Nuth
Keith Dunn e Simi Brothers Blues Band

DIA 13 – Sábado
Palco Iriry – Show às 14h
Roosevelt Collier
Palco Boca da Barra – Show às 17h
Keith Dunn e Simi Brothers Blues Band
Palco Costazul
Abertura às 20h com shows no Espaço Arthur Maia (Casa do Jazz) – 02 Bandas de Rio das Ostras e Região do Norte Fluminense.
Shows no palco principal a partir das 20h30
Nico Rezende e Jazz Quarteto Tributo a Chet Baker
Delvon Lamaar
Jon Cleary
Eric Gales

DIA 14 – Domingo
Palco Iriry – Show às 14h
Jon Cleary
Palco Boca da Barra – Show às 17h
Delvon Lamaar
Palco Costazul – Abertura às 20h com shows no Espaço Arthur Maia (Casa do Jazz) – 02 Bandas de Rio das Ostras e Região do Norte Fluminense.
Banda de Rio das Ostras Cida Garcia
Hamilton de Holanda Trio Chris Potter
Roosevelt Collier
Banda Black Rio

DIA 15 – Segunda-feira:
Palco Iriry – Show às 14h
Eric Gales
Palco Boca da Barra – Show às 17h
Hamilton de Holanda Trio Chris Potter
Palco Costazul
Abertura às 20h com shows no Espaço Arthur Maia (Casa do Jazz) – 02 Bandas de Rio das Ostras e Região do Norte Fluminense.
Banda de Rio das Ostras Segundo Set
Sofia Farah – Rio das Ostras
Alámo Leal Blues Band
Lancaster

Palcos
Lagoa de Iriry [14h15] – No palco da Lagoa de Iriry, o público estará lado a lado com o artista em um anfiteatro circundado por vegetação típica de restinga. A Lagoa de Iriry fica no Jardim Bela Vista, em Costazul.

Boca da Barra [17h15] – Praia de enseada, próxima ao centro da cidade, com uma das melhores vistas do pôr-do-sol de Rio das Ostras e região. Conta também com uma infraestrutura de quiosques e restaurantes que passou recentemente por um processo de revitalização.

Costazul [20h30] – Palco principal do festival, abriga uma praça de alimentação com restaurantes e bares, quiosques de produtos artesanais da cidade, venda de CDs, revistas e camisetas e telão que transmite os shows ao vivo, uma área especial de acessibilidade e área para motorhomes. Ainda em Costazul, há o Espaço Arthur Maia e o Clube do Vinil. No local, também serão vendidos instrumentos fabricados em uma luteria por adolescentes que fazem parte de um projeto da Fundação Rio das Ostras de Cultura.